SEJAM BEM VINDO!






“Há escolas que são gaiolas e há escolas que são asas.

Escolas que são gaiolas existem para que os pássaros desaprendam a arte do voo.

Pássaros engaiolados são pássaros sob controle. Engaiolados, o seu dono pode levá-los para onde quiser. Pássaros engaiolados sempre têm um dono. Deixaram de ser pássaros. Porque a essência dos pássaros é o voo.


Escolas que são asas não amam pássaros engaiolados. O que elas amam são pássaros em voo. Existem para dar aos pássaros coragem para voar.

Ensinar o voo, isso elas não podem fazer, porque o vôo já nasce dentro dos pássaros. O voo não pode ser ensinado. Só pode ser encorajado.”

Rubem Alves












Concursos e outras novidades ligadas á educação

Loading...

sábado, 17 de setembro de 2011

Sequência Didática para trabalhar o gênero Notícia

Isto é notícia


OBJETIVO GERAL
          Familiarizar os alunos com o gênero notícia, promovendo uma seqüência de atividades focadas no ensino da leitura e da escrita que permitam a formação do aluno enquanto autor autônomo e proficiente.
OBJETIVOS ESPECÍFICOS
          Identificar o conhecimento dos alunos sobre o gênero notícia;
          Discutir sobre as características dos jornais impressos e jornais;
          Explorar cadernos e seções do jornal, identificando assuntos noticiados;
          Captar os objetivos da situação de leitura (buscar informações, atualizar-se, conhecer determinado assunto, divertir-se);
          Conhecer a estrutura composicional do gênero notícia;
          Estabelecer relações entre o conteúdo da notícia e outros textos lidos;
          Conhecer outros gêneros integrantes do jornal tais como: entrevista, piada, charge;
          Compreender e posicionar-se criticamente diante das notícias lidas;
          Produzir uma notícia, tendo como base acontecimentos importantes de sua comunidade.
           Organizar um jornal, valorizando os textos   produzidos. 

I MOMENTO
          Conversar com os alunos sobre o gênero a ser estudado, visando detectar seus conhecimentos prévios acerca do mesmo;
          Discutir as características dos jornais impressos e telejornais;
          Distribuir diferentes notícias para que os alunos, organizados em grupo, tenham o primeiro contato com o gênero;
          Promover uma análise do texto estudado, buscando compreendê-lo;
          Socializar as análises feitas, instigando os alunos a exporem oralmente sua compreensão sobre o texto do grupo para o restante da sala.

II MOMENTO
          Formar grupos e distribuir jornais para que os alunos folheiem, explorem e leiam o material;
          Pedir que resolvam às questões seguintes:
          Para que lemos jornal?
          Qual o nome do jornal lido?
          Como os textos estão distribuídos?
          Que informações aparecem nele?
          O que mais lhes chamou a atenção no jornal?
          Propor um debate a partir das questões propostas.
          Selecionar uma notícia que instigue a curiosidade da turma e explorá-la nos seguintes aspectos:
        Título;
        Nome do autor;
        Espaço do jornal em que foi publicado ( seção, caderno);
        Público a que se destina;
        Assunto abordado.
            Socialização das conclusões da classe.



III MOMENTO
          Formar trios e distribuir jornais;
          Pedir que os alunos observem os aspectos da primeira página, destacando os seguintes pontos:
        Manchete;
        Título;
        Temas abordados;
        Imagens;
          Ajudar os alunos a localizar a notícia principal e pedir que a leiam na íntegra,
          Explorar fotos, diagramas, tabelas, gráficos, mapas e outros recursos de apoio à compreensão do fato informado;
             Incentivar a turma a fazer comentários, opinar, argumentar sobre o texto lido.

IV MOMENTO
          Formar duplas;
          Distribuir cópias de uma notícia;
          Explorar as características da notícia;
          Pedir que identifiquem no lide as respostas às seguintes questões: quem?/ Fez o quê?/ A quem?/ Onde?/ Quando?/ Como?/Por quê?/ para quê?
          Mostrar a função do restante dos parágrafos.
Pedir que os alunos confeccionem um cartaz enfatizando as principais características da notícia e dando exemplos

VI MOMENTO
          Explorar mais notícias levando os alunos a responderem os seguintes questionamentos:
          A que público ela se destina?
          Quando e onde ocorreu o fato noticiado?
          As informações contidas são imparciais ou tendenciosas?
          Explorar o uso da terceira pessoa como fator de distanciamento do fato e maior confiabilidade da notícia.
          Instigar os alunos a concordar, discordar, criticar, assumir uma posição diante do fato, formando um debate sobre o assunto.
          Propor aos alunos que façam o levantamento de dados e fatos da comunidade local que poderiam virar notícia para serem explorados na próxima oficina em que será proposta a produção textual

VII MOMENTO  
          Propor a socialização dos dados e assuntos pesquisados na aula anterior.
          Sugerir a produção de uma notícia a partir desses dados.
          Informar aos alunos que os melhores textos serão publicados em um jornal a ser produzido pro eles.
          Retomar as características da notícia.
          Orientar as produções.

VIII MOMENTO
          Levantamento das principais dificuldades encontradas.
          Revisão dos textos produzidos nos aspectos:
1-Estrutura textual: Organização espacial do texto;
                          Parágrafos;
                          Coerência e coesão.
2- Problema de ordem sintática: Concordância nominal e verbal
                                    Regência.
    3-  Problemas de ordem morfológica: Adequação vocabular;
                                        Conjugação verbal;
                                        Forma de plural e      feminino;
4- Problemas de ordem fonológica: Ortografia;
                                     Acentuação;
                                     Divisão silábica.
          A revisão dos textos será feita por etapas, por isso será disponibilizado um tempo maior nesta oficina.
    Para facilitar a revisão e refacção dos textos serão criados códigos para orientar que aspectos do texto precisam ser melhorados.

REFERENCIAS
          CENPEC- Centro de Estudos e Pesquisas em Educação Cultura e Ação Comunitária. Almanaque do Programa Escrevendo o Futuro. Nº6, agosto de 2007.
          GERALDI. J. W. (org). O texto na sala de aula. São Paulo, Ática, 2003.
          FARIA. M. A. O jornal na sala de aula. São Paulo, Contexto, 1989.
          GIL NETO. A. A produção de textos na escola. São Paulo, Loyola, 1988.

2 comentários:

  1. MUito boa a sua sequência, irei aplicada na minha turma. Muito obrigada pela colaboração,

    Abraço :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ótima sequência, com certeza irei adotar.

      Excluir

AQUI VOCÊ PODE OPINAR SOBRE O CONTEÚDO LIDO.